4.2.15

Morde e Assopra


Parei para pensar na saudade que a vida me causa. Saudade de casa, saudade da faculdade, saudade do passado, saudade das pessoas que preciso deixar para trás ao optar pelas minhas escolhas. A vida é realmente uma ilusão. Passamos tempos nos preparando para uma coisa, mas, em instantes, vemos tudo se acabar. Tudo é uma questão transitória. Acho que esta é a palavra para tudo o que nós vivemos. Você fica ansiosa para o show da sua banda preferida, mas isso acaba quando eles tocam a saideira. Você passa dias virando noites estudando para a prova mais difícil do período da faculdade e, em 2 horas, é capaz de resolvê-la e colocar fim em um sofrimento de um semestre inteiro. Você tenta conquistar o garoto pelo qual você sempre foi apaixonada e, de repente, descobre que o beijo dele nem era aquilo tudo ou que ele não era bom de cama. A gente sempre espera por aquela festa de sábado à noite, mas, no fim das contas, no início da madrugada, os pés já começam a doer. A vida é esse “morde e assopra” incansável.

Estamos sempre esperando pelo final de semana para sermos felizes, mas, quando nos damos conta, já estamos longe o bastante para fazer alguma coisa. Já estamos cobertos por terra. 


Espero que tenham gostado e até logo!



Nenhum comentário:

Postar um comentário

 renata massa